Pele & Pelo

cão adulto Cocker Spaniel preto e branco a comer ração seca PRO PLAN

Pele & Pelo

cão adulto Cocker Spaniel preto e branco a comer ração seca PRO PLAN

Pele & Pelo

cão adulto Cocker Spaniel preto e branco a comer ração seca PRO PLAN
July 31, 2018

Pele & Pelo

Cuidar da pele sensível do seu cão

Está preocupado que o seu cão sofra de pele sensível? Fatores genéticos e fatores ambientais podem causar sensibilidade na pele dos cães - identificar a causa fará com que encontrar o tratamento correto seja muito mais fácil. Em baixo, explicamos como identificar os sintomas da pele sensível, o que a causa e algumas formas de ajudar a manter a pele do seu cão saudável.

Sinais de pele sensível

A aparência do seu cão é um dos indicadores mais óbvios do seu bem-estar geral. Fique atento a estes sinais comuns de sensibilidade da pele:

  • Coçar excessivo
  • Perda de pelo
  • Áreas secas ou escamosas
cão adulto Cocker Spaniel preto e branco a roer corda de brincar
cão adulto Cocker Spaniel preto e branco a olhar para dono com corda de brincar

O que causa a pele sensível nos cães?

Fatores genéticos

  • Dieta - alguns cães são alérgicos a determinados grupos alimentares (por exemplo, produtos à base de milho, que contêm glúten) e isso pode causar problemas de pele.
  • Alergias - alguns cães têm uma predisposição genética para serem mais sensíveis a alguns dos alérgenos mais comuns, como ácaros, relva ou pó.

 

Fatores ambientais

  • Um ambiente seco - sistemas de aquecimento interno ou ar-condicionado podem irritar a pele do cão e fazer com que ela seque.
  • Mudanças sazonais - alguns cães têm uma pele muito sensível às mudanças climáticas (normalmente os sintomas da pele seca ocorrem no inverno, enquanto que as reações alérgicas aumentam na primavera e no verão).
  • Parasitas - picadas de pulgas ou parasitas podem irritar a pele dos cães, enquanto que os ácaros podem causar pele seca ou escamosa.

 

Alergias ou Doenças

  • Dermatite alérgica - reações à alimentação, substâncias ambientais irritantes ou produtos de higiene podem causar a pele seca e comichão da dermatite.
  • Infeção por fungos - coçar as orelhas ou mastigar as patas pode ser um sinal de uma infeção por fungos (procure por pele irritada, comichão ou descoloração).
  • Foliculite - o seu cão tem feridas, inchaços e crostas na pele? Se assim for, o seu animal de estimação pode sofrer de foliculite, uma condição que inflama os folículos pilosos.
  • Impetigo - mais comum nos cachorros, esta condição pode levar a bolhas cheias de pus que podem rebentar ou formar crostas.
  • Seborreia - geralmente é um sintoma de outro problema médico, como alergias ou anormalidades hormonais, que faz com que a pele do seu cão fique gordurosa e escamosa.
  • Micose - procure por manchas circulares com inflamação da pele e perda de pelo, muitas vezes na cabeça do cão, patas, orelhas ou pernas.
  • Alopécia - perda excessiva de pelo que provoca grandes manchas calvas, causadas por algo relacionado com stress, má nutrição ou até doenças.
  • Sarna - uma desordem da pele causada por ácaros que causam comichão, pele vermelha, feridas e perda de pelo, muitas vezes no focinho, pernas e orelhas.
  • Pontos quentes (ou dermatite húmida) - pequenas áreas de vermelhidão, irritação e inflamação causadas por alergias, picadas de insetos, infeções ou mastigação e lambidelas excessivas.
  • Se o seu cão estiver com comichão ou a lamber excessivamente, contacte o mais rápido possível o seu médico veterinário para um diagnóstico preciso e tratamento adequado. Se não forem tratadas, é provável que as condições da pele se agravem e causem a longo prazo mais sofrimento ao seu animal de estimação.

 

Como a nutrição pode ajudar?

Um alimento especialmente formulado como PURINA® PRO PLAN® com OPTIDERMA® pode ajudar a melhorar a pele sensível do seu cão.

Desenvolvido pelos nossos médico veterinários e nutricionistas para promover uma pele e pelagem saudáveis, esta dieta contém nutrientes direcionados para a pele, como Aminoácidos, Ácidos gordos essenciais, Vitaminas do complexo B e Zinco. Também é feito com fontes selecionadas de proteína para ajudar a reduzir possíveis reações cutâneas associadas à sensibilidade alimentar.


4 DICAS PARA TRATAR A PELE SENSÍVEL EM CÃES

  • Cuide do seu cão - a ajuda de um profissional experiente pode ser a melhor forma de recuperar o pelo (e a pele) do seu cão.
  • Use champô especialmente formulado - ajudará a remover alergénios, como pó e pólen, mas também a hidratar novamente a pele para combater alergias.
  • Limpe as patas do seu cão - pode ajudar a remover alergénios do exterior antes que o seu cão entre na casa.
  • Vitamina E - pode comprar óleo de Vitamina E no seu médico veterinário para colocar diretamente nas manchas de pele seca do seu cão.

 

 

Partilhe com pessoas que conhece

EmailLinkedInFB