Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Your Pet, Our Passion.
Terrier Escocês

Terrier Escocês

Apesar do seu tamanho pequeno, os Terriers Escoceses transmitem a sensação de serem cães fortes e poderosos. Têm uma pelagem exterior dura e cerdosa com um subpelo macio e denso, e umas barbichas e sobrancelhas salientes. Os Terriers Escoceses podem ser pretos, da cor do trigo ou malhados. Os Terriers Escoceses adultos medem 25-28cm e pesam 9-11kg.

O que necessita saber
  • Cão adequando para donos com alguma experiência
  • Necessário algum treino
  • Gosta de passeios tranquilos
  • Gosta de dar passeios de uma hora por dia
  • Cão Pequeno
  • Cão que se baba pouco
  • Requer tratamento do pelo dia sim dia não
  • Raça não hipoalergénica
  • Cão conversador e vocal
  • Cão de guarda. Ladra e alerta para situações de perigo
  • Pode precisar de treino antes de viver com outros animais
  • Pode precisar de treino antes de viver com crianças

Características

Esperança Média de Vida: 12–15 anos
Peso em Adulto: 9–11kg
Altura:  25–28cm
Cores: Preto, e todos os tons de trigo ou tigrado
Porte: Pequeno

Avaliação

Adequado para Famílias: 4/5
Necessidade de Exercício: 4/5
Fácil de Treinar: 1/5
Tolerância para ficar sozinho: 3/5
Sociável com outros animais: 4/5
Nível de Energia: 4/5
Escovagem e Higiene: 2/5
Queda de Pelo: 2/5
Terriers escoceses preto e branco sentados um ao lado do outro

Personalidade

Os Terriers Escoceses têm uma ousadia e coragem desproporcional ao seu tamanho. O Terrier Escocês pode parecer taciturno e reservado com estranhos, mas são leais, carinhosos e alegres no seu seio familiar. Os Terriers Escoceses, apesar de toda a sua lealdade com os seus donos, são cães independentes e necessitam de imensa motivação, divertimento e paciência no treino.

Terrier Escocês a brincar com as crianças

História e Origem

Não houve referências desta raça até 1859 e, nesse ano, os "cães Escoceses" foram exibidos pela primeira vez como raça independente numa exposição canina, figurando sob o nome de "Terrier de Aberdeen", a região onde provavelmente foram criados de forma seletiva. Porém, é certo que os West Highland White Terriers e os Terriers Escoceses estão intimamente ligados, pois os seus antepassados são oriundos da região de Blackmount em Perthshire e de Rannoch Moor. Nessa altura estes cães eram utilizados para retirar os roedores das rochas, ratazanas de debaixo da terra, e outras pragas dos celeiros.