Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Your Pet, Our Passion.
Jenifer

PhD, Technical Communication Manager and Veterinarian @Purina

Jenifer
Ciência

Ciência

Ir para secção >

É verdade que a alimentação seca provoca doenças urinárias?

Os dados de investigação científica disponíveis mostram que gatos cuja dieta se baseia apenas em alimentação seca ingerem pouca quantidade de água quando comparados com gatos que comem também alimentação húmida. No entanto, a maior parte dos gatos que só comem alimentação seca, não desenvolvem pedras nos rins. Em alguns casos em que o gato tenha predisposição a este tipo de doença, dar apenas alimentação seca pode influenciar o desenvolvimento da doença.

Doença do trato urinário inferior contempla um conjunto de patologias que afeta o trato urinário inferior (bexiga e uretra) e que se manifesta de forma semelhante quer em cães quer em gatos. As causas mais comuns são cistite idiopática em gatos e infeções bacterianas em cães. Pedras nos rins são também tipicamente observadas, embora não seja o problema mais frequente. Estudos mostram que uma dieta baseada em alimentação seca não é a principal razão de nenhum destes problemas. Atualmente, obesidade e stress são os principais fatores que aumentam o risco de desenvolvimento de doenças do trato urinário em cães e gatos.

Cães e gatos saudáveis quando lhes é dada apenas alimentação seca mantêm-se hidratados bebendo água. No entanto, os gatos, em geral bebem quantidades insuficientes de água. Os seus ascendentes viviam nos desertos do Médio Oriente e, embora os gatos tenham sido domesticados há anos atrás, algumas das suas características mantiveram-se inalteradas. Além disso, há algumas raças mais predispostas à formação de pedras. Nestes casos, a dieta desempenha um papel crucial, já que permite regular os minerais e substâncias na urina que promovem a formação de pedras. Na PURINA, temos disponíveis dietas formuladas especificamente para ajudar à gestão nutricional de gatos com doença do trato urinário inferior (como PURINA PROPLAN VETERINARY DIETS UR) - o veterinário do seu animal pode ajudá-lo a escolher a que melhor se adapta, caso seja necessário.

Para concluir, embora uma dieta que inclua alimentação húmida seja ideal para ajudar a gerir problemas urinários, a alimentação seca também pode ser uma boa alternativa a considerar. Uma dieta completa e equilibrada baseada em alimentação seca pode ser uma excelente opção para cães e gatos que não sejam predispostos a doença do trato urinário inferior ou que não foram diagnosticados com nenhum dos sintomas iniciais.