Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Your Pet, Our Passion.
Norwich Terrier

Norwich Terrier

O Norwich Terrier é um dos terriers mais pequenos que existe. Tem uma pelagem resistente ao clima, cerdosa e dura que pode ser vermelha, cor de trigo, preta e castanha, ou grisalho, e é semelhante a uma raposa com as suas orelhas típicas eretas. A medida Ideal para esta raça é 25cm até ao garrote e o peso cerca de 4–5kg.

O que necessita saber
  • Cão adequando para donos inexperientes
  • Necessário algum treino
  • Gosta de passeios com alguma atividade
  • Gosta de dar passeios de uma hora por dia
  • Cão Pequeno
  • Cão que se baba pouco
  • Requer tratamento do pelo uma vez por semana
  • Raça não hipoalergénica
  • Cão conversador e vocal
  • Cão de guarda. Ladra e alerta para situações de perigo
  • Pode precisar de treino antes de viver com outros animais
  • Pode precisar de treino antes de viver com crianças

Características

Esperança Média de Vida: 12–14 Anos
Peso em Adulto: 4–5kg
Altura: 24–26cm
Cores: Vermelho, trigo, preto e castanho ou grisalho
Porte: Pequeno

Avaliação

Adequado para Famílias: 5/5
Necessidade de Exercício: 4/5
Fácil de Treinar: 4/5
Tolerância para ficar sozinho: 2/5
Sociável com outros animais: 5/5
Nível de Energia: 5/5
Escovagem e Higiene: 3/5
Queda de Pelo: 2/5
Terrier em pé na relva

Personalidade

Os Norwich Terriers são cães de porte pequenos, animados e amigáveis que, por vezes, podem ser um pouco mal intencionados. Gostam de conviver com crianças mais velhas e muitos idosos ativos parecem gostar desta raça. Devem ser socializados desde pequenos, principalmente com gatos, uma vez que irão atrás deles à menor oportunidade.

Terrier a saltar em direção à camera

História e Origem

País de Origem: Inglaterra

A raça canina Norwich Terrier existe há mais de 100 anos. Os antepassados deste cão pequeno podem incluir o Border Terrier e os seus antepassados, o Cairn Terrier e um terrier vermelho da Irlanda. No final do século XIX, estes cães tão procurados pelos estudantes da Universidade de Cambridge, tornaram-se na sua mascote. Este cão era inicialmente conhecido como o Norwich Terrier. Alguns destes cães apresentavam orelhas eretas e pontiagudas e outros orelhas descaídas. Em 1965, o Terrier de orelhas descaídas foi categorizado como uma nova raça, a Norfolk Terrier.