5 Dicas para ajudar o seu animal a lidar com ansiedade de separação

Grandes alterações na rotina, como regressar ao trabalho após um longo período em casa juntos, podem causar ansiedade de separação quer nos cães quer nos gatos.
5 Dicas para ajudar o seu animal a lidar com ansiedade de separação
5 Dicas para ajudar o seu animal a lidar com ansiedade de separação
5 Dicas para ajudar o seu animal a lidar com ansiedade de separação

Sinais de Ansiedade de Separação em cães e gatos

Se o seu animal de companhia estiver a sofrer de ansiedade de separação, pode notar algumas alterações no seu comportamento. Esteja atento aos seguintes sinais:

- Eliminação imprópria de urina ou fezes em casa (no caso do gato fora da liteira ou caixa de areia)

-Ladrar ou uivos excessivos

- Comportamento destrutivo em casa, como roer mais do que habitual

-Alterações de apetite

Como amenizar a ansiedade de separação em cães e gatos

1. Crie uma rotina

Os animais de companhia beneficiam de rotinas tal como adultos e crianças. Sair de casa e regressar mais ou menos à mesma hora todos os dias vai ajudar o seu cão ou gato a ajustar-se às alterações de forma mais fácil e a reduzir a ansiedade de separação. Pode apontar uma nova rotina num papel e pendurar para que seja mais fácil segui-la. Reserve, por exemplo, momentos do dia em que o seu cão ou gato possam estar numa zona sozinhos, para que a alteração quando passear mais tempo for a de casa não seja tão abrupta. Tente antecipar ao máximo a forma como vai ser a sua rotina à medida que as regras de confinamento são levantadas.

2. Planeie tempo para brincar e fazer exercício

Reserve horas do dia para brincar com o seu cão ou gato todos os dias. É para estes momentos que deve guardar os snacks e mimos para eles – para incentivar os seus comportamentos positivos! Um snack acompanhado com uma palavra de aprovação é muito eficiente durante as brincadeiras. Um passeio curto com o seu cão ou um jogo interativo com o seu gato antes de sair pode ser uma boa estratégia para os acalmar. Após o exercício, os animais em geral fazem uma sesta que se torna o momento perfeito para sair.

3. Coloque barulho de fundo

Pessoas que ligam a televisão para os seus cães e gatos antes de saírem podem ser consideradas ‘estranhas’… A verdade é que é uma boa estratégia para animais com ansiedade de separação. Colocar música, ligar a televisão ou mesmo um audiolivro ou podcast pode dar-lhes algum entretenimento e distração. Além disso, o som de outro humano faz com que os animais se sintam menos sozinhos.

4. Experimente jogos e puzzles estimulantes

Tabuleiros dispensadores de comida podem ser uma excelente forma de reduzir a ansiedade de separação e de manter o seu animal de companhia mentalmente estimulado.

Coloque metade da dose diária recomendada de alimentação seca do seu animal num tabuleiro dispensador de comida todos os dias de manhã e reponha ao final do dia. O seu cão ou gato vão passear o dia entretidos e desafiados que reduzirá os níveis de ansiedade. Outra opção será esconder pequenas porções de alimentação seca em raças pela casa. É fundamental que meça a quantidade de alimentação que deve dar por dia e que divida em pequenas porções. Este tipo de jogo é especialmente benéfico para gatos, já que estimula os seus instintos de caça e os mantém ocupados e ativos durante todo o dia.

5. Permaneça calmo e confiante

O seu animal vai seguir o seu exemplo. Se prolongar as despedidas é natural que incentive sentimentos de ansiedade ao separar-se. Mantenha as despedidas curtas, mas com todo o carinho. Se for difícil para si e para o seu animal de companhia dizer adeus, faça-lhe festinha e dê-lhe mimo durante 10 a 20 minutos antes de sair. Quando chegar o momento de sair pode fazê-lo sem se sentir mal porque já se despediu. Se tiver de sair inesperadamente e não tiver tempo para um passeio curto com o seu cão ou para criar um jogo com o seu gato, experimente dar-lhes o seu brinquedo favorito para que fique estimulado.

Seguindo as dicas acima pode atenuar os sintomas de ansiedade de separação do seu cão ou gato e ajudá-lo a sentir-se mais confortável sozinho em casa. Saiba sobre como estar com o seu animal em casa aqui