Sorry, you need to enable JavaScript to visit this website.
Your Pet, Our Passion.
Mau Egípcio

Mau Egípcio

O Mau Egípcio é um gato elegante, com uma aparência atlética, caracterizada por um padrão aleatório de manchas. Os Mau Egípcios são descritos como tendo um ar sério.

O que necessita saber
  • Muito ativo
  • Sociável e dependente
  • Ligeiramente comunicativo
  • Gato médio
  • Requer que o pêlo seja tratado uma vez por semana
  • Raça não hipoalergénica
  • Precisa de algum espaço exterior
  • Pode precisar de familiarização antes de viver com crianças
Gata grávida de Mau egípcio a andar na cidade

Personalidade

O Mau Egípcio é um gato carinhoso e brincalhão. Diz-se que é extremamente inteligente, gosta de aprender novas habilidades e de passear com a trela. Aprecia uma vida ativa e a atenção dos seus donos, sendo o gato de família ideal. O Mau é ativo e necessita de extravasar a sua energia com brinquedos ou companheiros para brincar, especialmente se forem deixados sozinhos por muito tempo.

Gato egípcio Mau está a olhar para algo de surpresa

História e Origem

País de Origem: Egito/Itália

Mau é a palavra egípcia para gato e apresenta uma notável semelhança com os gatos malhados das esculturas da arte egípcia antiga. A raça teve origem a partir de um gato malhado encontrado no Cairo e que terá sido levado para Roma em 1953 por uma princesa russa. Ela cruzou vários gatos malhados em Itália e mais tarde mudou-se para a América do Norte, onde criadores desenvolveram o Mau moderno. As características incomuns na sua cabeça são descritas como uma semelhança ao escaravelho, que são consideradas sagradas pelos antigos egípcios. Os gatos Mau só foram introduzidos no Reino Unido em 1998.