Raças de cães que são sempre pequenos

Se gosta muito de cães que são pequenos toda a vida, este artigo é para si. Desde os Chihuahuas aos Toy Poodles, aqui estão as principais raças que vai querer conhecer.
Raças de cães que são sempre pequenos
Raças de cães que são sempre pequenos
Raças de cães que são sempre pequenos

Como se fosse possível os cães serem mais queridos do que o normal, existem algumas raças de cães bem pequenos pelos simplesmente se apaixonará! São fáceis de cuidar e tão pequenos que podem mesmo caber na sua mala de mão favorita. Mas atenção, ainda que não ocupem um grande espaço físico, estes cães que permanecem pequenos durante toda a vida têm personalidades fortes, para compensar o seu porte pequeno. Portanto, prepare-se para o seu espirituoso carisma!

Se está a considerar acrescentar à sua família um cão de raça pequena, eis aqui alguns dos mais adoráveis companheiros:

1. Chihuahuas, os cães mais pequenos

Com a reputação de serem pequenos, mas mal-humorados, o Chihuahua é o típico cão pequeno. Apresentam uma variedade de estilos de comprimento de pelo, desde curto a comprido e pesam entre 2 kg a 3 kg. Muito inteligentes, são suficientemente curiosos para olharem por cima do seu ombro se tiverem oportunidade. Desde pequenos, os Chihuahuas necessitam de socialização adequada, caso contrário poderão tornar-se cães ansiosos logo que saiam de casa ou encontrem um desconhecido.
Raças de cães que são sempre pequenos

2. Caniches, os companheiros afetuosos

Os caniches apresentam-se em três tipos diferentes: médio, miniatura e toy. Contudo, o caniche é o mais pequeno dos três e é um cão que se mantém pequeno- não crescem mais do que 25 cm. Não é apenas o nome, mas é o seu aspeto fofinho que pode confundir as crianças e pensarem que é o novo brinquedo lá de casa. Muito inteligentes e bem-dispostos, estes cães são muito fáceis de treinar e são o companheiro ideal.

3. Pomerian (Lulu da Pomerânia), uma das mais populares raças de cães pequenos.

Se gosta de cães pequenos e, simultaneamente, de uma boa combinação de cores de pelo, esta raça não o desapontará. Do preto, ao branco e ao bronze, existem cerca de 20 tonalidades diferentes de pelo que seu pequeno cão favorito pode apresentar. Mas atenção, debaixo de todas aquelas camadas de pelo, esconde-se uma personalidade forte e assertiva. No entanto, sendo treinados desde cedo em breve se tornarão nos melhores amigos.

4. Shih Tzu, um colo mais quente

Se gosta de se aninhar com o seu cão, o Shih Tzu está sempre pronto para um abraço. A maneira como andam com a cauda atirada descuidadamente sobre o dorso, é suficiente para nos levar a suspeitar que existe algo mais em relação a esta pequena raça de cães do que à primeira vista parece. A História mostra-nos que há séculos atrás eram cães de palácio adorados pela realeza Chinesa, que lhes deu o nome de Shih Tzu, o que quer dizer “leãozinho”. Presentemente, ocupam o lugar especial nos nossos corações e as nossas casas são os seus palácios

5. Yorkshire Terrier, espetacular aparência numa das raças mais pequenas

Um clássico cão de colo, o Terry é o cão favorito das raças pequenas, por várias razões. Apreciam uma boa festa, mas são igualmente rápidos a defenderem o seu território, mesmo face a ameaças do dobro do seu tamanho. Além disso, o seu pelo glamoroso não deixam ninguém indiferente quando passam. E se pensa que este cão vai poupar as suas pequenas patas se houver demasiada atividade, pode esperar exatamente o contrário. Adoram brincar, apanhar coisas e anseiam por passear com a sua família.
Raças de cães que são sempre pequenos

6.Bichon Maltês, a aristocrática raça de cães pequenos

Com um pelo que fará inveja a qualquer cão que se passeie ao pé, o Bichon Maltês é uma das raças mais antigas de cães. A sua beleza tem-se mantido intacta desde há centenas de anos, como atestam os muitos quadros que os retratam junto a figuras da realeza. Embora sejam engraçados como um brinquedo, podem tornar-se muito barulhentos, por isso, torna-se necessário serem treinados desde pequenos se quiser evitar que ladrem em demasia quando mais velhos. A boa notícia é que estes cães de pelo branco são muito fáceis de treinar e ficam felizes por se tornarem o companheiro da família.

7. Papillon, o encantador cão que gosta de se manter pequeno

Com impressionantes orelhas em forma de “borboleta” que inspiraram o seu nome francês, o Papillon é um pequeno cão cheio de energia que adora companhia. Muitas vezes dá por eles aninhados no seu colo, mas também gostam de correr de um lado para o outro quando passeiam. Este cão serviu como adorno, ao longo dos épocas, de várias figuras da realeza, como o atestam muitos quadros do Renascimento, que os representam ao colo da nobreza. Portanto, se pretende uma verdadeira raça real de cães pequenos, o adorável Papillon pode ser o ideal para si.

A saúde dos cães pequenos

Todas as raças de cães envolvem alguns riscos e inconvenientes e as raças de cães pequenos não são excepção. Uma informação a reter sobre os cães pequenos é que eles podem sofrer da rótula, que é suscetível de sofrer uma deslocação temporária. Os cães toy possuem um metabolismo rápido, o que significa que queimam energia rapidamente. E quando se trata de alimentação, tome em consideração a sua pequena dimensão. Os seus pequenos estômagos indicam que devem comer pouco e várias vezes, e sobretudo em pequenos pedaços que caibam nas suas bocas.

Saiba mais sobre raças de cão na Galeria de Raças de Cão e faça o nosso Seletor de raças de Cão para descobrir qual a raça que mais se adapta ao seu estilo de vida e da sua família!