Será Que Os Gatos Gostam De Música?

As pessoas em geral, adoram música, mas será que os gatos sentem o mesmo? Descubra o que o seu amigo de quatro patas sente em relação à música e a investigação sobre o tema.
sera-que-os-gatos-gostam-de-musica
sera-que-os-gatos-gostam-de-musica
sera-que-os-gatos-gostam-de-musica

Todos gostamos de fazer felizes os nossos animais de companhia e todos já vimos aqueles vídeos encantadores com os gatinhos que são mestres a dançar ao piano! Ouvir música produz um estímulo mental, uma sensação de felicidade ou apenas uma sensação de relaxamento às pessoas. Portanto, faz sentido que queiramos partilhar essas sensações com os nossos animais - mas, gostarão os gatos de música? E retirarão algo dessa experiência?

Os Gatos Gostam de Música?

Já alguma vez experimentou tocar a sua canção favorita para o seu gato ouvir? Poderá ter verificado que independentemente da sonoridade dos acordes, o seu gato praticamente não manifesta qualquer interesse na música que está a tocar.

Em circunstâncias raras, alguns gatos obtiveram uma sensação de calma. Ocasionalmente, as associações de gatos podem escolher tocar música clássica para os seus residentes, acreditando que criam assim uma atmosfera relaxante. Embora os gatos não fujam da música (a não ser que a coloque demasiado alta), não existem provas conclusivas de que seja o caso. Se os gatos que ouvem música clássica se deitam no chão a dormitar, é mais do que provável que lhes estivesse a apetecer um soninho, e não que estejam embalados pelas notas de Mozart!

A Investigação

Aparentemente os cientistas também gostam muito de gatos- e existem alguns estudos sobre se os gatos gostam de determinado tipo de música. Um estudo, publicado no jornal Applied Animal Behaviour Science, investigou a fundo para tentar descobrir se os gatos gostam de música.

O estudo revelou que, embora os gatos não manifestem qualquer preferência específica pela música que a família está a escutar, tal não significa que sejam completamente alheios à música. De facto, a música parece ser algo especial para os gatos, mas tem tudo a ver com o modo como comunicamos: a música que fazemos e apreciamos enquanto humanos, baseia-se na nossa linguagem.e na forma como interagimos com o mundo à nossa volta. Certamente já se apercebeu de que a linguagem e a nossa forma de agir são completamente diferentes das dos nossos amigos felinos!

Por isso, embora o seu gato não demonstre se gosta de Jay Z ou de Bach, tal não significa que não gostem de música. Significa apenas que a música que apreciam é diferente da que os humanos gostam.

Música para gatos

Então o que há na música dos humanos a que os gatos parecem não ser sensíveis? Ou mais importante, como poderemos começar a produzir música que os gatos apreciem? A descoberta de que a música tem a ver com as especificidades das espécies, está a ajudar os investigadores a identificar exatamente o que há em certos tipos de música que os torna apropriados para diferentes espécies. A música que gostamos utiliza determinados tempos que são semelhantes ao bater do coração humano; também usa uma escala vocal e acústica que nós humanos podemos processar.

Os gatos têm uma estrutura biologicamente diferente da nossa e sentidos diferentes dos nossos, portanto é compreensível que a música que lhes agradaria tenha qualidades muito distintas. Os investigadores estão ainda a tentar perceber qual o tipo exato de música de que os gatos poderiam gostar e estão a começar a criar peças que funcionem na mesma escala de comunicação que os gatos utilizam uns com os outros.

Os sentidos dos gatos

Os gatos têm sentidos incrivelmente apurados; são muito mais sensíveis do que nós, humanos, ao som e aos cheiros. Uma grande parte da questão sobre se os gatos gostam de música, relaciona-se com a maneira como experienciam o mundo. A música para os humanos alimenta os seus sentidos, no caso dos gatos deveria fazer o mesmo.

Os bigodes dos gatos são sensíveis à mais pequena vibração no ar. Também possuem um sentido da audição extraordinário. Ambos estes fatores poderiam querer dizer que o seu gato acha que a música de que gosta é demasiado estridente ou que tenha demasiados graves.

Os investigadores descobriram que ir ao encontro dos sentidos dos gatos, bem como ao modo como comunicam, altera completamente a sua experiência face à música. Enquanto o seu gato pode reagir com total indiferença à sua canção favorita, quando ouve música que tenha um tom, sonoridade e tempo, apropriados a felinos, ele demonstra prazer - havendo até casos de gatos arranharem os altifalantes e ronronar.

Tudo aponta para o facto de que os gatos gostam realmente de música. Se a pesquisa prosseguir no sentido de perceber as especificidades de cada espécie, poderíamos encontrar uma série de músicas para gatos, com capacidade para enriquecer a sua experiência do mundo, possibilitando estímulo mental e algo bem simples, prazer! Todavia não se esqueça de que, uma vez que o seu gato não aprecia necessariamente o seu gosto musical, também é possível que não aprecie o deles...