Mudámos recentemente a nossa Política de Privacidade. Para conhecer em detalhe a Política de Privacidade corrigida, por favor clique neste link.

Política de Cookies

Alimentar o seu gato e conseguir o equilíbrio correto

Como um amante de gatos, quererá que o seu amigo felino tenha uma vida longa, saudável, feliz e ativa. Uma das melhores maneiras de o atingir é garantir que a dieta do seu gato tem o equilíbrio correto dos cinco maiores nutrientes: proteína, gordura & óleos, vitaminas, minerais e hidratos de carbono.

Em que consiste uma dieta equilibrada?

Os gatos são “carnívoros obrigatórios”, o que significa que necessitam de carne na sua dieta, e por isso, ao contrário dos cães, nunca poderiam ser vegetarianos ou vegans. Os felinos utilizam a proteína como a sua principal fonte de energia e necessitam de maiores níveis de proteína na sua dieta, comparado com os cães. A carne não é apenas uma fonte de proteína mas também fornece os três nutrientes essenciais que os gatos precisam para viver: Taurina (para o coração e a visão), ácido araquidónico (para a saúde do pelo e pele) e vitamina A (para o pelo e a visão).

Para manter o seu gato em forma, precisa de lhe dar o equilíbrio correto de todos os nutrientes essenciais na sua dieta. Uma alimentação completa, de boa qualidade, formulada cuidadosamente para dar-lhe o equilíbrio perfeito de todos os nutrientes que ele precisa para crescer e ao mesmo tempo, um alimento delicioso de comer.

Pode parecer uma surpresa para si, mas ao adicionar alimentos humanos ou suplementos a uma dieta nutricionalmente completa e equilibrada pode realmente estragar o equilíbrio na dieta do seu pet e provocar-lhe distúrbios intestinais!

Os gatinhos têm uma digestão sensível e precisarão de uma dieta especial rica em proteína e outros nutrientes para os ajudar a crescer fortes e saudáveis. Uma alimentação específica e completa para gatinhos irá garantir que eles recebem tudo o que precisam – o nosso guia de como alimentar o seu gatinho pode dar-lhe informação útil para garantir que o seu pequeno amigo está a ser alimentado muito bem.

Depois dos 12 meses, um gato adulto saudável irá receber a apropriada nutrição de uma dieta completa e equilibrada especifica para gatos adultos. Quando atingem os seus anos mais séniores, por volta dos 7 aos 10 anos, eles precisarão de alterar a sua dieta para uma específica para gatos séniores e as suas necessidades. Veja o nosso artigo de como cuidar do seu gato sénior com dicas úteis para manter o seu gato sénior feliz e saudável.

Gato deitado na cama

icone-pequeno-perda-de-agua A água é essencial para todos os seres, e para o seu gato também. Apesar de os gatos serem originalmente animais do deserto e por causa disso serem muito bons em concentrar a sua urina, podem ter problemas de bexiga e cistite senão beberem água suficiente. Garanta que o seu gato tem acesso a água fresca e limpa de um bebedouro ou de uma fonte, durante o dia e a noite.

Provavelmente já notou que o seu gato adora beber água de locais estranhos, como torneiras ou duches, mas estes nunca devem substituir os recursos facilmente acessíveis de água fresca e limpa. O seu bebedouro deve estar colocado sempre que possível a uma distância considerável do seu comedouro e também longe da sua liteira. Se notar que de repente o seu gato começou a beber de locais estranhos, pode significar que ele tem uma condição médica que está a causar sede excessiva, por isso deve consultar o seu veterinário.

Os gatos usam a proteína, proveniente dos aminoácidos, como principal fonte de energia. Como os gatos não conseguem construir estes componentes estruturais no seus próprio organismo, eles têm que obrigatoriamente obter os aminoácidos essenciais nas suas dietas. Uma alimentação completa e equilibrada para gatos contém proteínas como carne e peixe, que devem ter todos os aminoácidos essenciais que o seu gato precisa para formar e manter um músculo saudável, a pele e o pêlo, sendo também uma parte fulcral no seu sistema imunitário. Se o seu gato não tiver a proteína suficiente, pode ter um crescimento deficiente, perda de músculo, uma fraca condição do pêlo e ter um risco acrescido de infeções devido ao fraco sistema imunitário.

icone-pequeno-roxo-gato As gorduras, feitas de pequenas unidades chamadas ácidos gordos, fornecem a energia para manter o seu gato ativo, tal como o isolamento térmico e proteção dos seus órgãos internos. Os ácidos gordos essenciais como o Ómega 3 e o Ómega 6 são vitais para manter a pele e o pelo saudável do seu gato e são uma importante parte da sua nutrição. Sem eles o seu gato pode desenvolver fracas condições no seu pelo e pele.

icone-pequeno-laranja-nutricao Apesar dos hidratos de carbono (amido e fibras) não serem essenciais na dieta do seu gato, são uma fonte de energia. Os prebióticos (fibras solúveis) também ajudam a manter um intestino saudável através de bactérias boas, enquanto as fibras insolúveis promovem o funcionamento normal do intestino e uma boa qualidade fecal.

icone-pequeno-roxo-nutricao Os minerais, como o cálcio e o fósforo, são essenciais para dentes e ossos saudáveis e fortes por isso a dieta do seu gato precisa de incluir as quantidades corretas e o equilíbrio certo de cada um, particularmente se estiverem grávidas ou em fase de crescimento.

O sódio, o cloreto, o magnésio e o potássio, bem como o zinco, o cobre e o ferro são também minerais importantes na dieta do seu gato. Alimentos completos e de boa qualidade para gatos fornecem o equilíbrio correto destes minerais. O equilíbrio é muito importante – demasiada quantidade de um mineral pode originar uma deficiência noutro.

icone-pequeno-roxo-gato As vitaminas são necessárias em pequenas quantidades para promover o crescimento do seu gato, uma visão normal, um pelo e uma pele saudável e também um sistema nervoso saudável. As vitaminas estão envolvidas no metabolismo das gorduras, proteínas e hidratos de carbono. As vitaminas C e E são também importantes como antioxidantes. As vitaminas com gorduras solúveis (A, D, E, e K) são armazenadas nos tecidos de gordura do seu gato mas as vitaminas solúveis em água (complexo B e C) não são armazenadas no corpo, e acabam por ser eliminadas através da urina do seu gato.

Os gatos precisam de leite?

icone-racas-de-gatos Ao contrário do que se acredita, os gatos não precisam de leite após o desmame. De facto alguns gatos têm dificuldade em digerir o leite pois têm falta da enzima necessária para quebrar a lactose (o açúcar no leite)! Por causa disso, o leite de vaca e outros produtos lácteos podem causar diarreia e provocar distúrbios intestinais.

O leite específico para gatos é produzido para dar aos gatos um mimo cremoso sem lactose. Tal como todos os snacks, o leite para gatos contém calorias, por isso deve considerá-lo em conjunto com a alimentação diária para manter a dieta do seu gato equilibrada. Lembre-se também que o leite para gatos não é um substituto da água, e que os gatos precisarão de bastante água fresca para se manterem hidratados.

Como devemos servir o alimento húmido?

O alimento húmido pode vir em latinhas, saquetas ou terrines. Este tipo de alimento deve ser sempre servido à temperatura ambiente para permitir ao seu gato aproveitar as texturas e os aromas. Quando aberto, cubra o que restou e guarde-o no frigorífico no máximo por 24 horas – e lembre-se, o alimento precisará de atingir a temperatura ambiente outra vez na próxima refeição, por isso retire do frigorífico com antecedência. O alimento húmido não deve ficar ao ar livre por mais de uma hora pois ficará pouco apetitoso e pode permitir o desenvolvimento de bactérias, resultando em distúrbios gastrointestinais.

Como devemos servir o alimento seco?

A alimentação seca é uma alternativa muito comum à alimentação húmida. Os seus croquetes contêm o correto equilíbrio dos nutrientes e têm também uma textura crocante que pode ajudar a manter os dentes do seu gato saudáveis. São também mais concentrados em nutrientes que os alimentos húmidos, por isso basta servir em pequenas quantidades.

Quer decida alimentar o seu gato com alimento seco ou húmido, leia sempre a embalagem para verificar que é um alimento completo e não complementar, se não pode estar a comprar um snack em vez de uma refeição equilibrada! Apesar da aparência, o alimento seco para cão é diferente do de gato e vice-versa. As necessidades nutricionais dos gatos e dos cães são diferentes, por isso o alimento para gatos não é adequado para cães e vice-versa.

Como alterar o alimento do meu gato?

icone-pequeno-laranja-nutricao

Se decidir alterar a alimentação do seu gato para um tipo ou marca diferente, introduza o novo alimento gradualmente durante um período de sete a dez dias. Para os gatos é melhor colocar dois comedouros, um com o alimento antigo e outro com o novo, para o seu gato ter a oportunidade de gradualmente começar a provar o novo alimento. As mudanças repentinas podem levar a distúrbios gastrointestinais, particularmente se o seu gato está habituado a comer sempre o mesmo alimento.

O nosso artigo sobre Como alimentar um Gato Adulto pode dar-lhe dicas em como alterar cuidadosamente a alimentação do seu gato.

A comida caseira para gatos faz bem?

icone-pequeno-roxo-nutricao

A ideia de preparar uma refeição especial feita em casa para o seu gato pode soar como um gesto de amor mas infelizmente, não é o recomendado. É difícil de fornecer uma dieta equilibrada ao seu gato cozinhando em casa, pois certos ingredientes têm altas ou baixas quantidades de alguns nutrientes, o que pode levar a sérios desequilíbrios. Mesmo que esteja a alimentar o seu gato com alimentos completos, tenha muito cuidado quando pensar em adicionar quantidades significantes de ingredientes extra. Se quer mesmo cozinhar em casa a comida do seu gato, fale com um nutricionista de animais para este lhe elaborar uma dieta que dê ao seu gato as quantidades certas e equilibradas de todos os nutrientes.

A carne crua pode também conter parasitas e bactérias, tais como a Salmonella, que podem fazer com que o seu gato fique doente, por isso, como dono, tem que ter particular atenção à higiene se decidir dar ao seu gato alimentos crús. Tenha atenção também aos ossos e às espinhas pois estes podem ficar alojados no intestino do seu gato.

Os gatos necessitam de suplementos alimentares?

Os gatos saudáveis que são alimentados com dietas completas e equilibradas não necessitam de suplementos. De facto, se adicionar suplementos na dieta do seu gato pode desequilibrar a sua nutrição e causar problemas.

Alguns gatos têm necessidades nutricionais específicas (ex: para o crescimento, para alguma condição médica especifica ou para a gravidez) e existem dietas para gatos formuladas especificamente para estas necessidades. Se tiver alguma dúvida, consulte o seu veterinário.

Que quantidade deve alimentar o seu gato

A quantidade de alimento que dá ao seu gato depende da sua raça, do nível de atividade e do seu estilo de vida. Pode começar por seguir o guia de alimentação na embalagem mas tenha em consideração que este guia é apenas uma aproximação. A quantidade certa vai variar de gato para gato, dependendo de vários fatores como o seu tamanho ou nível de atividade. Controle a condição corporal do seu gato regularmente com a nossa ferramenta e use- a para ajustar a quantidade de alimento que dá ao seu gato.

A Purina tem várias marcas que pode experimentar:

share.png Partilha
x
precisamos do seu consentimento para continuar

O nosso site utiliza cookies e outras tecnologias para que nós e os nossos parceiros possamos reconhecê-lo(a) e compreender como os utilizadores usam o nosso site.

Consentimento do CookiePara ver uma lista completa das empresas que utilizam esses cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa ferramenta de consentimento de cookies. Verá esta mensagem apenas uma vez, mas poderá sempre definir as suas preferências, a qualquer momento, na Ferramenta de Consentimento de Cookies. Além disso, descubra mais informações sobre a utilização de cookies e tecnologias semelhantes sobre este site no nosso anúncio de Cookies.

Quando aceder ao nosso site, as empresas identificadas na Ferramenta de Consentimento de Cookies irão utilizar os cookies e outras tecnologias.

Concordar e entrar no acesso ao portal