We have recently changed our privacy policy. To read the revised policy please click on this link to see the details.

Política de Cookies

Alimentar o seu gato sénior

Por volta dos 7 anos, irá notar que o seu gato começa a levar a vida de forma mais calma – e quem o pode culpar!

À medida que os felinos envelhecem, as suas necessidades nutricionais começam a mudar. O seu gato irá passar aproximadamente 40% da sua vida como sénior, por isso é importante dar-lhe a alimentação correta para o manter em boa forma. Nos seus anos séniores, mais do que nunca, o seu gato deve comer uma dieta saborosa e de grande qualidade, com proteína facilmente digerível e um balanço correto dos nutrientes chave.

Uma dieta correta para gatos séniores fornece uma concentração de proteína de elevada qualidade, níveis de gordura controlados e hidratos de carbono facilmente digeríveis para produção de energia. Também contém minerais essenciais para ajudar as articulações, e vitaminas, bem como proteínas para ajudar a suportar o sistema imunitário.

Gato castanho sentado

É geralmente recomendado alterar a fórmula de alimentação do seu gato de adulto para sénior, desde que este não tenha nenhuma condição médica especial ou o seu veterinário não o recomende.

A alimentação específica para gatos séniores contém proteína de elevada qualidade e também vitamina E para fortalecer as defesas naturais do seu pet.

Essencialmente, estas fórmulas contêm menos calorias para ajudar o seu pet a manter a peso corporal ideal à medida que os seus níveis de atividade reduzem. Isto significa que o seu gato pode continuar a apreciar as refeições sem comprometer a sua condição ideal.

À medida que os gatos envelhecem, os seus sentidos (olfato e paladar) podem enfraquecer um pouco como também a sua habilidade para mastigar. Pedaços mais pequenos e macios ajudarão o seu gato sénior a desfrutar das suas refeições, particularmente se tiver uma boca sensível e se já tiver perdido alguns dentes. Um alimento com maior conteúdo de carne pode melhorar o cheiro e o sabor da sua refeição, tornando-a mais apelativa.

Como sempre, quando mudar para um novo alimento, deve fazê-lo moderadamente. Comece por colocar à disposição o novo alimento ao mesmo tempo que o antigo, alterando lentamente a proporção após uma semana e até 10 dias quando o alimentar exclusivamente com alimentação especifica para gatos séniores. Se o seu gato recusar comer o novo alimento, consulte o seu veterinário pois pode haver uma razão médica para tal. Não se preocupe, o seu veterinário vai aconselhá-lo.

Alimente os gatos séniores com poucas quantidades e frequentemente, pois estes podem-se sentir cheios com grandes quantidades de alimento. Portanto desde que estes não tenham uma condição médica que o faça ser incompatível, pode também oferecer um mimo ocasional.

Sirva o alimento à temperatura ambiente para que o seu gato o possa saborear e apreciar. Se lhe der alimento húmido, precisa de remover as latinhas ou saquetas do frigorífico por volta de duas horas antes de o alimentar. Pode usar o micro-ondas para aquecer o alimento húmido, mas apenas por um curto período e garanta que o alimento apenas atinge a temperatura ambiente e nunca está quente demais. Quando guardar o alimento húmido, mantenha-o no frigorífico e nunca o guarde aberto por mais de 24 horas.

Se estiver a alimentar o seu gato com alimentação seca, guarde-a num ambiente seco e limpo. Embalagens que podem fechar-se ou recipientes herméticos mantêm o alimento palatável, preservando o aroma e não o deixando deteriorar-se.

É importante servir o alimento num prato ou tigela rasos e limpos (alguns gatos séniores não gostam de ter os seus bigodes a tocar no prato), não deixe que o alimento húmido seque no prato, pois os gatos são muito peculiares com a frescura dos alimentos que comem.

Os gatos são criaturas de hábitos, por isso é melhor alimentá-los no mesmo local à mesma hora todos os dias. Escolha uma área calma, longe da confusão e de onde normalmente costuma comer. Coloque os comedouros longe da liteira e preferencialmente também longe do seu bebedouro. Se tiver mais que um gato, mantenha os comedouros a uma distância razoável para evitar confrontos ou bullying. Pode precisar de alimentar o seu gato sénior numa área separada para evitar que o seu gato mais jovem lhe roube o alimento!

Gato a dar uma festa à dona junto do comedouro

Em relação à dieta do seu gato sénior, siga o modo de emprego e a dose diária recomendada na embalagem. Mas lembre-se, a dose diária recomendada é apenas para lhe dar uma ideia. Cada gato é único, por isso o mais importante é alimentar o seu gato o suficiente para o manter em forma e saudável. Tenha sempre disponível muita água fresca e limpa num bebedouro de cerâmica ou metal. Alguns gatos gostam de beber fora de casa, por isso um bebedouro no jardim pode ser uma boa ideia. É importante que o seu gato sénior beba muita água para prevenir problemas no trato urinário e evitar ficar desidratado.

Mudanças de peso

É comum que os gatos mais velhos ganhem algum peso pois os seus níveis de atividade diminuem. Como os gatos com excesso de peso ou obesos têm maior probabilidade de desenvolver diabetes ou problemas urinários e estão em risco de sofrer de artrites, é importante ter cuidado e vigiar. Pese o seu pet regularmente e veja o seu resultado na nossa ferramenta de condição corporal para verificar que ele está com um peso saudável.

O nível baixo de calorias existente na alimentação específica para gatos séniores pode ajudar a controlar o aumento de peso – experimente uma das nossas marcas PURINA com alimentos para gatos senior ou com com produtos “light” para ajudar o seu pet a emagrecer:

A alimentação é apenas uma parte importante para cuidar do seu pet e controlar o seu peso, pois ele precisa de se manter ativo. Depois de o levar ao veterinário, incentive-o a fazer algum exercício enquanto brinca ou a correr atrás de si no jardim. Isto ajudará a queimar calorias, mantendo-o em forma e também a combater outras condições que podem afetar gatos séniores como artrites.

Gato amarelo deitado no jardim ao sol

Igualmente, gatos mais velhos podem também ficar mais magros, uma vez que o envelhecimento pode afetar a sua saúde e sentidos. Com os sentidos (olfato e paladar) mais fracos, o seu apetite pode diminuir. Mudanças no seu metabolismo e no sistema digestivo podem afetar como o seu gato processa e absorve o alimento, o que também pode originar perdas de peso. Se notar uma mudança nos seus hábitos alimentares, fale com o seu veterinário pois uma perda de apetite pode significar outros problemas de saúde.

Se o seu veterinário estiver confiante que não há nenhuma razão específica para a perda de apetite, pode tentar algumas técnicas simples para o incentivar a comer. Por exemplo, experimente aquecer o alimento à temperatura ambiente ou acrescentar uma pequena quantidade de um miminho com um forte aroma e sabor, como por exemplo uma colher de atum. Variar o sabor e a textura do alimento pode também ajudar. Garanta que o alimento está facilmente acessível, particularmente se o seu gato tem dificuldades em chegar lá.

Antes de alterar a dieta do seu gato, fale com o seu veterinário. Ele irá garantir que o seu pet está com o melhor plano de alimentação de acordo com as suas necessidades e também o aconselhará em como alterar a sua dieta o mais facilmente possível.

Produtos Purina para gatos séniores

Algumas marcas Purina oferecem fórmulas especificamente desenvolvidas para as necessidades dos gatos séniores. Clique em qualquer um destes produtos para saber mais.

share.png SHARE
x
precisamos do seu consentimento para continuar

O nosso site utiliza cookies e outras tecnologias para que nós e os nossos parceiros possamos reconhecê-lo(a) e compreender como os utilizadores usam o nosso site.

Consentimento do CookiePara ver uma lista completa das empresas que utilizam esses cookies e outras tecnologias e nos informar se podem ou não ser utilizadas no seu dispositivo, aceda à nossa ferramenta de consentimento de cookies. Verá esta mensagem apenas uma vez, mas poderá sempre definir as suas preferências, a qualquer momento, na Ferramenta de Consentimento de Cookies. Além disso, descubra mais informações sobre a utilização de cookies e tecnologias semelhantes sobre este site no nosso anúncio de Cookies.

Quando aceder ao nosso site, as empresas identificadas na Ferramenta de Consentimento de Cookies irão utilizar os cookies e outras tecnologias.

Concordar e entrar no acesso ao portal